23/09/2015

Justiça interdita mais dois CDPs em Natal devido superlotação


O juiz Henrique Baltazar, da Execuções Penais do Rio Grande do Norte, interditou mais duas unidades prisionais. De acordo com o magistrado, os Centros de Detenção Provisória de Pirangi e de Candelária não podem mais receber presos a partir desta terça-feira (22). 

De acordo com ele, as unidades apresentam superlotação e também não oferecem condições sanitárias mínimas para abrigar os detentos. O CDP Pirangi tem, atualmente, 83 presos, enquanto o CDP Candelária comporta 123 detentos, mais que o dobro da capacidade do prédio. A interdição de mais essas duas unidades eleva o número total de cadeias interditadas pela Justiça em todo o Rio Grande do Norte. São 13, no total. As interdições têm gerado ainda efeitos colaterais, com superlotação das delegacias de plantão e também fugas. 

A Secretaria de Justiça e Cidadania afirma que tem tentado resolver os problemas, mas que a população carcerária atualmente é muito maior que a quantidade de vagas, por isso, a superlotação em quase todas as cadeias. A curto e médio prazo, o Governo investe na construção da Cadeia Pública de Ceará-Mirim para abrir mais vagas no Sistema.

Fonte: Portal BO
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
,