04/11/2014

Justiça nega pedido do ex-goleiro Bruno para voltar ao futebol


O ex-goleiro Bruno teve, nesta terça-feira, o seu requerimento para voltar a praticar futebol profissional negado. De acordo com a decisão do juiz Flambo Santos Costa, da cidade de Francisco de Sá, a unidade prisional onde o ex-jogador se encontra não conta com um sistema de trabalho externo e, portanto, permitir a volta do atleta aos gramados iria violar as normas de segurança.
Cumprindo pena de 22 anos e três meses por sequestro e homicídio, após o desaparecimento de Eliza Samudio em 2010, Bruno foi transferido para a prisão no interior de Minas Gerais a pedido de seus advogados, pois tinha a esperança de atuar pelo Montes Claros Futebol Clube, equipe da segunda divisão mineira.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
,